Como investir em Imóveis

Eu quero te mandar alguns Ebooks de Graça, deixe o seu Email.

    Share on facebook
    Facebook
    Share on twitter
    Twitter
    Share on whatsapp
    WhatsApp
    Share on telegram
    Telegram
    Share on pinterest
    Pinterest

    Todo brasileiro pensa em comprar um apartamento na planta e colocar esse imóvel para alugar, isso já vem de berço. Mas como investir em imóveis de forma inteligente?

    Eu lembro dos meus pais me falando isso antes mesmo dos meus 18 anos: “Quando começar a trabalhar, tem que comprar um apartamentinho pra investir.”

    No início dos anos 2000, as pessoas no Brasil não tinham casa. Isso era algo distante para a grande maioria das família e por isso foi se criando essa imagem de que imóvel deveria ser o primeiro investimento real.

    Parece que eu estou levando a essa conversa para o lado negativo da força, ao ponto de dizer que imóvel é um investimento ruim. Eu não quero e não farei isso, mas quero falar sobre uma alternativa que poucos conhecem e jogar um pouco de transparência em toda essa história de investir em imóveis.

    Investir em Imóveis não vale a Pena?

    Vale sim.

    Eu não digo isso pela valorização do imóvel, mas pelo rendimento entregue mensalmente enquanto o imóvel está locado.

    É incrível você pensar que vai comprar um imóvel de R$100 mil e vai receber todo mês R$500 de alguém que decidiu não comprar e viver de aluguel, a maioria das pessoas que são donas de vários imóveis começam assim e vão comprando com os rendimentos mensais outros imóveis.

    É uma bola de neve, em um futuro próximo você garante a sua aposentadoria com maior qualidade e renda.

    Com o tempo, essa bola de neve se torna uma avalanche e ninguém consegue mais parar o movimento.

     

    Como Investir Em Imóveis Avalanche de aluguel

    Mas, nem tudo são flores e é claro que eu não poderia deixar de comentar sobre isso também.

    Casa pra morar não é INVESTIMENTO

    Na sua cabeça precisa haver essa separação, você precisa conseguir entender que a casa que você mora não pode ser considerar investimento. É a sua casa.

    E qual a grande diferença?

    Existem várias, mas quero comentar algumas.

    1 – Financiamento

    Eu não vejo problemas em você financiar a casa que mora, você estaria pagando aluguel e acaba financiando algo que é seu. Não há problema nisso, você pode optar em pagar um pouco mais por mês e na troca conseguir comprar uma casa maior que cubra todas as suas necessidade.

    Então quer dizer que pra investir eu não posso financiar? Claro que pode, você pode qualquer coisa nessa vida.

    Mas vamos pensar, você vai comprar um apartamento de R$100 mil pra receber R$500 mensais. Isso dá 0,50% de rendimento ao mês.

    Se você financiar o apartamento inteiro, paga no mínimo uns 80% a mais, dependendo da taxa de juros isso pode chegar a 300%. Então vamos calcular por baixo, você vai comprar um imóvel de R$180 mil pra receber os mesmos R$500. O seu inquilino não está nem ai pra quanto você pagou no imóvel, ele vai pagar o justo.

    Apenas porque não pagou pelo imóvel, você estará recebendo 0,27%.

    2 – Vacância

    No mercado financeiro, vacância é o nome dado aos negócios que estão vagos. Isso é um outro problema pra você que acha que imóvel pra morar é investimento.

    Vamos à história: Você acabou de casar, tem planos de família, filhos, cachorro. Você constrói uma casa do seu jeito, já faz 3 quartos, faz canil e tudo o que tem direito. Isso é incrível, afinal você pode e está adiantando um processo que vai acontecer com o tempo.

    E tá tudo bem fazer isso, você vai morar ali pro resto da vida.

    Agora vamos ao investimento, você compra um apartamento na planta com 2 quartos. O casal recém casado aluga e faz um contrato com você, você está recebendo mensalmente R$500 e está feliz da vida.

    O casal que alugou se empolga e faz um filho nos primeiros 2 meses morando no seu apartamento, os planos deles foram por água abaixo e eles precisam buscar por um novo apartamento.

    O seu prédio ficará vago assim que aquela família sair dali, você tem então um imóvel VAGO, com 100% de vacância.

    Os boletos continuam a surgir, você continua pagando o financiamento mas não está recebendo nada em troca.

    Esse é o copo meio vazio de quem vive de mercado imobiliário.

    Porém, todavia, entretanto. Se eu te disser que existe uma saída e que a grande maioria dos brasileiro ainda não conhecem?

    Nós temos uma nação com mais de 200 milhões de pessoas e mais de 1 milhão apenas conhecem e investem em imóveis através da bolsa de Valores.

    Talvez você tenha medo da bolsa, talvez todas as histórias que você ouviu remetem a ganhos e perdas astronômicas. Mas posso te falar? Eu sou a prova viva de que você pode investir sem stress.

    Como comprar Imóveis através da bolsa de Valores?

    Existe um tipo de fundo na bolsa, onde você compra pequenas cotas e se torna sócio de prédios, galpões ou shoppings.

    Você fica livre de financiamento, você diminuiu riscos como o de vacância e ainda por cima pode iniciar o seu projeto de aposentadoria antes mesmo de conseguir comprar um imóvel à vista.

    Tá vendo essa imagem acima? É de um fundo chamado HGLG11, você consegue comprar um pedaço desse fundo atualmente por R$177,66 e vai receber mensalmente algo em torno de 0,50%.

    Pra cada cota dessa que estiver no seu nome, você receberá algo em torno de R$0,78 mensal de aluguel.

    O fundo hoje é dono de 17 imóveis, sendo eles prédios comerciais e galpões logísticos em localizações de extrema qualidade.

    Já parou pra pensar o quanto isso poderia render pra você?

    Já pensou você comprando algumas cotas dessas todos os meses o quanto você conseguiria se aposentar tranquilamente ou em quanto tempo conseguiria viver de aluguel?

    Existem diversas formas de como investir em imóveis, mas através destes tipos de fundos é que estão as melhores e mais inteligentes oportunidades.

    Share on facebook
    Facebook
    Share on twitter
    Twitter
    Share on whatsapp
    WhatsApp
    Share on telegram
    Telegram
    Share on pinterest
    Pinterest

    Últimos artigos

    Artigos Passados

    Que tal dar um gás no seu Aprendizado?

    Faça algum dos nossos cursos e aprenda mais rápido e melhor!